Palestras

Prof. PhD. CLÁUDIO MELO - http://lattes.cnpq.br/0756134184225958. Possui graduação em Engenharia Mecânica pela Universidade Federal de Santa Catarina (1977). Mestrado em Engenharia Mecânica pela Universidade Federal de Santa Catarina (1980). Doutorado em Applied Thermal Engineering - Cranfield University (1985). Atualmente é professor titular da Universidade Federal de Santa Catarina. Tem experiência na área de Engenharia Mecânica, com ênfase em Refrigeração, atuando principalmente nos seguintes temas: trocadores de calor, dispositivos de expansão, controles, simulação de sistemas de refrigeração, novos ciclos de refrigeração

 

 

 

 

Eng. Mec. JOSÉ CARLOS CAUDURO MINUZZO. Possui graduação em Engenharia Mecânica Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (1975). MBA em Gestão Empresarial pela  Suez University, França (2004); Treinamento em turbinas a vapor nas Fábricas da Ansaldo (Itália), SKODA (República Theca) e Nei Parsosns (Inglatera), no período de 1984 e 1987. Sócio fundador da CMS - Consultoria e Engenharia, com 40 anos de experiência no setor elétrico, tendo atuado como Gerente e Diretor, nas áreas de operação, manutenção, planejamento, comissionamento, meio ambiente e P&D de usinas hidroelétricas, termoelétricas (carvão, óleo, gás e biomassa), eólicas e solar, totalizando um parque gerador de 8.765 MW. Atuou ainda como Conselheiro Suplente e Titular de empresas de geração de energia elétrica do Grupo ENGIE, com destaque na organização, planejamento e otimização de recursos e custos. No momento é Conselheiro Suplente em empresa da área de energia e Conselheiro Titular do CREA  SC.



* RESUMO DA PALESTRA: A proposta da palestra de abertura do XVIII CONEMI, é promover um Fórum de debates entre os meios acadêmicos e industriais, ligadas as questões das novas fontes de energias sustentáveis, abordando: O futuro das novas e atuais tipos, e formas de Energia sustentáveis; Perspectivas de expansão das novas fontes renováveis na matriz energética brasileira até 2030; Expectativas para as demais fontes de energia renováveis e não renováveis, como petróleo e gás natural; Como as energias renováveis concorrerão com as fontes energéticas convencionais? e Oportunidades e ameaças acerca da matriz energética brasileira na próxima década.

RICARDO ALEXANDRE GONÇALVES. É pós-graduado em Logística, possui MBA Executivo pela Fundação Dom Cabral, formação em Business Marketing Strategy and Branding pela Kellogg School of Management e certificação em Teoria das Restrições pela Goldratt School. Desenvolveu sua carreira executiva em empresas de tecnologia, onde contribuiu em diferentes departamentos liderando times no Brasil, América do Norte e Europa, tendo ocupado posição de CEO nos Estados Unidos. Atualmente é diretor de Desenvolvimento de Negócios da Pollux Digital.


* RESUMO DA PALESTRA:
A palestra tem como proposta despertar do público presente, a importância da digitalização das Industrias, como uma questão de sobrevivência, pois esse movimento está atrelado à redução de custos e altos ganhos de eficiência, principalmente nas questões que envolvem o operacional. Aonde os processos estão cada vez mais otimizados e, com isso, a competitividade do mercado aumenta, em outras palavras, quem não aderir à transformação digital corre sérios riscos de apenas olhar os concorrentes se distanciando e abocanhando fatias maiores do mercado.

Prof. PhD. Claiton Emilio do Amaral (UNIVILLE) - http://lattes.cnpq.br/7181056965617404. Possui Graduações em Engenharia Mecânica (1987) e Engenharia Civil (1994) pela Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC, Pós-Graduação em nível de Especialização em Matemática Aplicada (1995) pela Universidade da Região de Joinville - UNIVILLE, Pós-Graduação em nível de Mestrado em Engenharia de Produção (2001) pela Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC e Pós-Graduação em nível de Doutorado em Engenharia de Produção (2016) pela Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC. Desenvolve trabalhos de orientação e pesquisas nas áreas de gestão do conhecimento, desenvolvimento de projetos de produtos, projetos de melhoria de qualidade e redução de custos em produtos. Atua como professor universitário nos Cursos de Engenharia de Produção, Engenharia Mecânica e Engenharia Civil da Univille. Black belt certificado em 2002, possui larga experiência em desenvolvimento e implementação de projetos de produtos com mais de 15 anos trabalhando em empresa líder mundial na fabricação de eletrodomésticos. Experiência profissional internacional (Estados Unidos) de 2 anos (de Set/2004 a Set/2006) pela mesma companhia no desenvolvimento de soluções avançadas em disponibilização de água e gelo para refrigeradores domésticos. De dezembro de 2013 a 2016 trabalhou como Pró-Reitor de Extensão e Assuntos Comunitários da Universidade da Região de Joinville - Univille e, a partir de Janeiro de 2017, passou a ocupar a posição de Pró-reitor de Infraestrutura na mesma Universidade.

* RESUMO DA PALESTRA: A palestra irá abordar a busca pela inovação em um ambiente que se altera de forma cada vez mais rápida e imprevisível, mais que uma necessidade, trata-se de um desafio para empresas que precisam de um modo contundente e robusto buscar meios para proteger suas ideias e, assim, obter vantagens competitivas sustentáveis. Na maioria dos países, incluindo o Brasil, leis específicas possibilitam às empresas pleitear junto ao Estado o direito à exclusividade de mercado para a exploração dessas ideias por tempo determinado via pedidos de privilégio de invenção, também denominados por pedidos de patente. Para isso, é necessário que a ideia atenda determinados requisitos de patenteabilidade. Contudo, ao consultar os registros do Instituto Nacional de Propriedade Industrial – INPI no Brasil, observa-se um número considerável de pedidos de patentes e também de patentes já concedidas sendo abandonadas prematuramente por diversos motivos.

LUIZ FERNANDO DA SILVA BORGES - http://lattes.cnpq.br/7989895458473288. Nos últimos 3 anos desenvolveu pesquisas e tecnologias na área de Engenharia Biomédica com: modelagem estatística de processos termodinâmicos para amplificação de DNA; próteses robóticas de membro superior com feedback tátil; dispositivos de monitoramento do sono para a regulação do ciclo circadiano e interfaces cérebro-máquina de loop fechado embarcadas em sistemas de processamento distribuído para a comunicação com pessoas inicialmente classificadas em estado vegetativo ou coma. Laureado com mais de 60 prêmios como resultado de suas participações em feiras de ciências e engenharia nacionais e internacionais, sendo o primeiro e único brasileiro a receber os prêmios de primeiro lugar e melhor da categoria, em Engenharia Biomédica, na maior feira de ciências e engenharia do mundo: a Intel International Science and Engineering Fair (Intel ISEF). Além disso, recebeu também o prêmio concedido pelo MIT Lincoln Laboratory, por meio do programa Ceres Connection, tendo seu nome submetido para a International Astronomical Union (IAU), que nomeou o asteroide (33503) Dasilvaborges, em sua homenagem.

* RESUMO DO DA PALESTRA: O Palestrante apresentará a história da concepção de suas criações que reduziram o custo de diagnósticos baseados em amplificação de DNA, demonstraram um método de controle pra próteses robóticas de braço que devolve a sensibilidade tátil e prometem fazer pessoas inicialmente diagnosticadas em estado vegetativo ou coma se comunicarem apenas com o pensamento. Tendo a oportunidade de representar o país em diversas competições científicas ao redor do mundo, detendo até mesmo um asteroide pra chamar de seu, ele apresentará como cada ideia surgiu, bem como as dificuldades comuns à cientistas brasileiros e como superá-las. Ao revelar os bastidores de projetos científicos de alta complexidade, Luiz espera demonstrar que conceber e realizar grandes projetos científicos está ao alcance de todo acadêmico com coragem suficiente para acreditar que perseguir objetivos grandes e pequenos resultam no mesmo esforço.