MINICURSOS

Eng. LUIZ GERALDO CRESPO ARRUDA - http://lattes.cnpq.br/2166184508934100: Consultor, instrutor e pesquisador em Engenharia do Valor e Sustentabilidade Desde 2007 é diretor da ELEGE Engenharia do VALOR & Sustentabilidade®. Criador do Sistema ELEGE PIÃO-Gestão do Valor Organizacional, da metodologia Valorização Econômica Sustentável e Notório Especialista na capacitação em Engenharia do Valor Econômico Sustentável. Já atendeu mais de 130 clientes em mais de 60 cidades do Brasil, realizando mais de 70 projetos de Engenharia do Valor e capacitando mais de 3.400 pessoas em mais de 80 palestras e capacitações sobre Engenharia do Valor. Engenheiro Civil, ênfase em Transportes e Logística (E.E. Kennedy-2002). Especialista em Qualidade, Tecnologia e Produtividade das Construções (UFMG-2003). Especialista em Sustentabilidade no Ambiente Construído (UFMG-2009). Especialista em Gestão Estratégica da Informação (UFMG-2011). Pós-graduado em Gestão de Projetos(IETEC-2004), Engenharia de Vendas(IETEC-2004), Gestão de Custos(IETEC-2005) e em PmaisL-Produção mais Limpa (ONU/SENAI/CNTL-2010). Foi membro do comitê de Avaliação da Sustentabilidade do CBCS(2008) e do comitê de Sustentabilidade do CREA-MG (2009). Professor convidado da Fundação Dom Cabral(2011/2012) e consultor da FIEMG(2012/2014) em consumo e produção sustentável na indústria. Membro do conselho diretor da ABEAV-Associação Brasileira de Engenharia e Análise do Valor(gestão 2012/2016). Afiliado a SAVE-American Society of Value Engineers e CVCI-Customer Value Creation International. Desde 2010 modera o LinkedIn Group ?Engenharia e Análise do Valor? comunidade com mais de 5.400 integrantes.

* RESUMO DO MINICURSO: O Objetivo deste minicurso é contribuir na formação de Gerentes e Engenheiros do Valor Econômico para a busca da Competitividade e Sustentabilidade de organizações, tendo como base a consagrada metodologia EAV-Engenharia e Análise do Valor (Value Engineering/Value Analysis) para produzir a riqueza econômica sustentável. A metodologia é um processo sistêmico de planejamento, criatividade e inovação em equipe para desenvolver projetos de maximização do custo-benefício e valorização econômica de produtos, serviços, tecnologias e negócios. Conteúdos que serão abordados: Paradigma da sustentabilidade; Sustentabilidade baseada em valores;. Pegadas ambientais humanas; Valores Humanos; . Valor Econômico; . Valor x Preço; . Valor Econômico x Desperdício; . Desperdício x Resíduo; . Reduzir Custo x Economizar; . Gestão 3E (efetividade, eficácia e eficiência); . Gestão Sustentável do Valor Econômico;. Gestão do Valor Multi-Stakeholder; Abordagens da Engenharia e Análise do Valor: Definições; . Histórico; . Consagrações; . Exemplos e aplicações;. Leis e Normas;. A abordagem funcional e a abordagem criativa; . A implementação da Gestão do Valor Econômico na organização; . Fases de trabalho do projeto de Engenharia e Análise do Valor; . Apresentação de estudos de casos: Valorização Econômica de um Terreno/Edificação; Valorização Econômica de um Produto Industrial; Valorização Econômica no Ciclo de Vida de um Equipamento; Valorização Econômica da Capacidade Instalada Industrial (VIP-Value Improving Practices-Desing to Capacity). Mód prático (a definir).

Eng. M.Sc. WELLINGTON SILVA BALDO - http://lattes.cnpq.br/8587060965546685: Engenheiro Sanitarista e Ambiental formado pela UFSC/SC, com mestrado na FEI/SP em Administração de Empresas, na área de Gestão da Inovação e com linha de pesquisa em sustentabilidade. Como parte de sua formação de mestrado, residiu na França por três meses onde aprofundou seus conhecimentos na área. Profissional desenvolto e comunicativo, com capacidade de gestão de grandes e importantes projetos/demandas, com habilidade no envolvimento e trabalho com outros times, bem como, na criação de parcerias de longo prazo. Possui nível de inglês avançado e de francês intermediário. Recentemente, realizou uma mudança em sua carreira profissional, migrando para a área acadêmica como professor na Universidade da Região de Joinville - Univille, tornando-se responsável por disciplinas relacionadas a Hidráulica e Hidrologia, com atuação, também em projetos de pesquisa e extensão relacionados a Recursos Hídricos, bem como na coordenação do curso de Eng. Ambiental e Sanitária da instituição. Leciona na pós-graduação, mais especificamente na temática da sustentabilidade. No que tange a experiência de mercado, possui mais de 6 anos de atuação em departamentos relacionados a sustentabilidade no Itaú Unibanco, envolvendo o desenvolvimento e implementação da governança de sustentabilidade na organização e sistema de gestão do tema. Além dessas responsabilidades, ainda participou do desenvolvimento do relatório anual e outras atividades afins. Experiências profissionais anteriores envolveram o aprimoramento e avaliações de risco para o seguro ambiental da Itaú Seguros, como também a gestão da coleta de resíduos sólidos urbanos de dois municípios paulistas.

* RESUMO DO MINICURSO: Por diversas vezes o termo "sustentabilidade" é utilizado como o adjetivo de alguma ação ou projeto de engenharia. Mas, quando e como podemos considerar que engenhamos algo sustentável? Essa é a pergunta que responderemos durante esse minicurso. De uma forma dinâmica e aplicada (com base em cases de sucesso e insucesso) trabalharemos com a definição de sustentabilidade, práticas e os novos desafios que essa temática apresenta para as engenharias.

Eng. Mec. ANDRÉ LUCAS MOISÉS LACERDA - http://lattes.cnpq.br/6088331091877357: Engenheiro Mecânico pela UFSJ (2014). MBA em Gestão de Projetos (2016). Mestrando no Programa de Pós-Graduação em Engenharia da Energia da Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ). Diretor Financeiro Adjunto da Federação Nacional de Engenharia Mecânica e Industrial (FENEMI). Atua como Engenheiro Mecânico autônomo, prestando consultorias e treinamentos. Pesquisador na área de sistemas energéticos com foco em motores de combustão interna.

* RESUMO DO MINICURSO: 1. Noções de Grandezas Físicas e Unidades. 2. Caldeiras, Vasos de Pressão e Tubulações - Considerações Gerais. 2.1. Combustíveis das Caldeiras. 3. Segurança da Operação - Um Sistema Operador-Empregador-Responsável Técnico. 4. Legislação e normalização. 5. Inspeção e Relatório de Segurança.

Eng. Quím. CHRISTIANE RODRIGUES LACERDA - http://lattes.cnpq.br/ 7478708711448000: Engenheira Química formada pela Universidade Federal do Rio de Janeiro; Especialista em Qualidade do Ar e Poluição em Ambientes Interiores formada pelo PECE/USP; Especialista em Tratamento Químico de Sistemas de Resfriamento à Água, com mais de 20 anos de experiência na área; Especialista em tratamento químico e ensaios laboratoriais de águas e efluentes; Auditora Interna de Sistemas de Gestão da Qualidade; Membro do Qualindoor - Departamento Nacional de Qualidade do Ar de Interiores da ABRAVA; Diretora Técnica na GHS Indústria e Serviços Ltda.

* RESUMO DO MINICURSO: O maior problema dos sistemas de climatização do ar é a manutenção incompleta ou incorreta, provocando, por vezes, saturação dos filtros por material particulado, causando diminuição no volume de ar externo e aumento da circulação de ar interno, limpeza ineficiente das partes componentes do sistema, instalações inadequadas, contaminação do sistema por agentes microbiológicos ou químicos, entre outros. Nesse sentido o presente minicurso tem por objetivo esclarecer a nova Lei 13.589/2018 e a obrigatoriedade de todos os edifícios, de uso público e coletivo, que possuem ambientes de ar interior climatizado artificialmente, possuírem um Plano de Manutenção, Operação e Controle – PMOC dos respectivos sistemas de climatização, visando à eliminação ou minimização de riscos potenciais à saúde dos ocupantes.
EMENTA: 1. Introdução. 2. Síndrome dos Edifícios Doentes. 3. Principais Focos de Contaminação. 4. Elementos Básicos para uma boa QAI. 5. Obrigações Legais. 6. Método Analítico para Diagnóstico da QAI.

Eng. EDUARDO SATTAMINI (Presidente da ENGIE) - http://lattes.cnpq.br/


* RESUMO DO MINICURSO:
em definição

Prof. LUIZ INÁCIO DE SOUZA SEBENELLO - http://lattes.cnpq.br/ 3979815349083049: Engenheiro Civil, Mecânico e de Segurança do Trabalho, aposentado da Prefeitura de Porto Alegre. Foi professor das disciplinas de Mecânica do Solos e Obras de Terra e Ética e Legislação Profissional, em cursos de graduação na PUC e na ULBRA. Professor de Ética Profissional e Avaliação de Máquinas e Equipamentos no curso de pós graduação, convênio IBAPE/RS – UFRGS. Perito atuante e Conselheiro suplente do CREA/RS.

* RESUMO DO MINICURSO: 1. OBJETIVO. 2. OS PROCESSOS JUDICIAIS E O MERCADO DE TRABALHO. 3. O PROCESSO JUDICIAL CÍVEL. 3.1. O Novo Código de Processo Civil - NCPC . 3.2. A fase de instrução. 4. QUANTO ÀS PROVAS JUDICIAIS. 4.1. As provas periciais. 4.2. A produção antecipada de provas. 4.3. A Prova técnica simplificada. 4.4. A segunda perícia. 4.5. A Perícia Impraticável. 5. O PERITO E O ASSISTENTE TÉCNICO ENGENHEIROS.5.1. Quem pode ser perito ou assistente técnico. 5.2. A nomeação do perito. 5.3. Procedimentos do perito recém nomeado. 5.4.-O assistente técnico, AT. 6. HONORÁRIOS PERICIAIS. 6.1. Algumas custas processuais conforme o NCPC. 6.2. A definição do tipo de trabalho a ser realizado. 6.3. As informações necessárias para estabelecer o valor. 6.4. Despesas e encargos do perito e da perícia. 6.5. Estabelecimento do valor. 6.6. O assistente técnico e seus ganhos. 6.7. A Assistência Judiciária Gratuita, AJG. 6.8. A apresentação ao juiz. 7. A PERICIA. 7.1. Generalidades. 7.2. Responsabilidades do perito e dos assistentes. 7.3. A inspeção. 8. O LAUDO PERICIAL. 8.1. Conceitos e predicados. 8.2. Principais parâmetros para a elaboração. 8.3. A estrutura do laudo. 8.4. A Entrega do Laudo. 8.5. A manifestação das partes sobre o laudo. 8.6. Laudo único / laudo conjunto. 9. EXPOSIÇÃO DE CASO.

DANIEL JUNIOR SOARES RODRIGUES - http://lattes.cnpq.br/5468847712705312: Graduando em Engenharia Mecânica pela Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ). Membro da Equipe Técnica do Gep_LASID (Grupo de Estudos e Pesquisas do Laboratório de Sistemas Dinâmicos). Desenvolveu dois Projetos de Iniciação Cientifica na área de detecção de falhas através de técnicas preditivas. Estagiou na empresa VLI atuando na área de Confiabilidade de Vagões. Atualmente é multiplicador, palestrante e mentor voluntário da Fundação Estudar e trabalha como Consultor Junior.

 



PhD. JORGE NEI BRITO - http://lattes.cnpq.br/8160466619165597: Consultor Sênior. Pós-Doutor em Engenharia Mecânica, Área de Monitoramento de Máquinas, pela UNICAMP - Universidade Estadual de Campinas (2011). Doutor em Engenharia Mecânica, Área de Projetos, pela UNICAMP - Universidade Estadual de Campinas (2002). Mestre em Engenharia Mecânica, Área de Projetos, pela UFU - Universidade Federal de Uberlândia (1994). Eng. Mec. pela PUC MINAS - Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (1985). Professor Associado do Departamento de Eng. Mecânica da UFSJ - Universidade Federal de São João del-Rei. Professor e Orientador do Programa de Pós-Graduação em Engenharia da Energia da Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ) em Associação Ampla com o Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais (CEFET-MG). Professor Pesquisador no Curso Educação Empreendedora da IES UFSJ. Especialista em detecção de falhas em máquinas rotativas através de técnicas preditivas e inteligência artificial. Um dos autores da patente PI0303047-4 (Bobina de fluxo magnético para o acompanhamento preditivo de motores de indução trifásicos). Presidente da FENEMI - Federação Nacional de Engenharia Mecânica e Industrial. Representante da FENEMI no CDEN - Colégio Nacional de Entidades do Sistema CONFEA/CREA e MÚTUA. Coordenador da V Região da COPIMERA (Confederación Panamericana de Ingeniería Mecánica, Eléctrica, Industrial y Ramas Afines). Vice-Presidente Executivo da APEA -DELREI - Associação de Profissionais Engenharia e Agronomia Jurisprudência do CREA-MG de São João del-Rei, MG

 

* RESUMO DO MINICURSO: O curso é apropriado para alunos, mecânicos, técnicos, engenheiros e profissionais responsáveis pelo desempenho, confiabilidade e disponibilidade de equipamentos, que necessitem de conhecimentos básicos sobre Lubrificação Industrial. Neste curso serão abordados os seguintes itens: 1) Fundamentos da Lubrificação e as principais Propriedades dos Lubrificantes. 2) A importância dos aditivos empregados nos diferentes tipos de graxas e óleos. 3) Métodos de Aplicação de Óleos e Graxas. 4) Lubrificação de Máquinas e Componentes. 5) Classificações dos Lubrificantes. 6) Armazenamento, Manuseio e Segurança. 7) AULA PRÁTICA: Diagnóstico de amostras de graxa e óleo mineral.

Eng. PhD. JÚLIA BERTELLI DUARTE - http://lattes.cnpq.br/4241344268170383: Doutora e Mestre em Engenharia Mecânica pela Universidade Federal de Uberlândia (2013). Atualmente é Professor Assistente da Universidade Federal do Triângulo Mineiro. Tem experiência na área de Engenharia Mecânica, com ênfase em Mecânica dos Sólidos e Vibrações. Atuando principalmente nos seguintes temas: Controle de Qualidade, Redes Neurais Auto-organizáveis, Algoritmo Genético, Evolução Diferencial, Sintomas Vibroacústicos.


* RESUMO DO MINICURSO:
Apresentação dos métodos de análises de sinais voltados para manutenção preditiva, tais como análise estatística no domínio do tempo (média, variância, assimetria, curtose, fator de crista), análise no domínio da frequência (RMS, cepstrum), transformadas tempo-frequência (Hilbert, Wavelet).

Eng. JEAN CARLOS PACHER - http://lattes.cnpq.br/8587060965546685: Técnico em Automação Industrial pelo SENAI, Engenheiro de produção pela Universidade Estadual de Santa Catarina (UDESC). Trabalhou diretamente em canal Autodesk, sendo pré-venda de soluções para engenharias. Atualmente é diretor da KeepCAD, promovendo treinamentos, consultorias e implantações na área de BIM. Experiência de 10 anos como consultor CAD atuando principalmente em treinamentos avançados, parametrização de projetos e implantações de PDM. Ministrou diversas palestras e minicurso em eventos científicos, todos com ênfase em produtividade utilizando softwares CAD e melhores práticas de mercado.

 

* EMENTA DO MINICURSO: A proposta do minicurso é explicar como são feitas as peças nas impressoras 3D, a utilização como uma ferramenta importante para a Engenharia, para serem utilizadas em diversas finalidades, com rapidez e o baixo custo das peças desenvolvidas. Este sistema permite a criação de qualquer objeto, desde aplicações simples, como um brinquedo, a uma ferramenta industrial. E durante o minicurso, uma impressora estará em funcionamento na sala, fabricando um componente.

Prof. M.Sc. WALTER SILVESTRE COAN - http://lattes.cnpq.br/9652429155976938: Possui graduação em Informática pela Universidade da Região de Joinville (2003) e Pós-Graduação em Engenharia de Software pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná PUC-PR(2005), e Mestre pelo Programa de Pós-Graduação em Informática PPGIa da PUC-PR(2012). Atualmente é professor da Universidade da Região de Joinville e Chefe do Departamento de Informática da UNIVILLE. Tem experiência na área de Sistemas de Informação e Engenharia de Software. Atuou como desenvolvedor e analista de sistemas por sete anos na Datasul SA.

 

* EMENTA DO MINICURSO: A proposta deste minicurso é realizar uma breve apresentação dos conceitos de Industria 4.0, aonde é uma expressão que engloba algumas tecnologias para automação e troca de dados, que utiliza conceitos de Sistemas ciber-físicos, Internet das Coisas e Computação em Nuvem. Também será abordado e apresentado as novidades e tendências tecnológicas apresentadas pela Microsoft, IBM, Google e Amazon sobre suas soluções da Internet das Coisas aplicadas a área industrial.

Eng. Eletric. ARTHUR RANGEL LAUREANO - http://lattes.cnpq.br/2624138168209572: Engenheiro Eletricista com habilitação em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Santa Catarina (2007) e Especialista em Logística pelo SENAC Florianópolis (2011). Possui experiência em Engenharia Elétrica e Engenharia de Produção, atuando principalmente nas seguintes áreas: eficiência energética, medição e verificação de performance, manutenção industrial, logística e transporte ferroviário. Atualmente trabalha na área de Pesquisa & Desenvolvimento e Eficiência Energética na CELESC Distribuição S.A., exercendo principalmente atividades de identificação de potencialidades de economia de energia elétrica, elaboração e gerenciamento de projetos no âmbito do Programa de Eficiência Energética regulados pela ANEEL.


* RESUMO DO MINICURSO:
1. O minicurso irá destacar o mercado de Eficiência Energética, no setor industrial e de grandes consumidores, apresenta-se como uma alternativa de redução de custos aos empresários. As ações vão desde a readequação do sistema de iluminação e climatização, até a substituição dos motores utilizados por motores eficientes, com um baixo consumo de energia, várias são as possibilidades, como por exemplo: a substituição de lâmpadas e instalação de sensores de presença, a substituição do sistema de climatização e refrigeração, substituição de motores, entra tantas ações que podem ser adotadas com eficiência.

Eng. Mec. LUCAS COSTA BRITO - http://lattes.cnpq.br/9519306355864837: Sócio, Consultor e Instrutor da Dynamic Services Consultoria Ltda. Mestre pela UFU (Universidade Federal de Uberlândia). Engenheiro Mecânico pela UFSJ (Universidade Federal de São João del-Rei). Professor do curso MBA, "Especialização em Engenharia de Manutenção e Gestão de Operações Industriais". Green Belt em Six Sigma. Especialista em detecção de falhas em equipamentos industriais através de Técnicas Preditivas (Análise de Vibração, Análise Termográfica, Análise de Óleo, Análise de Graxa, ODS - Operational Deflection Shape, Balanceamento Dinâmico e Alinhamento a Laser) e de Inteligência Artificial (Redes Neurais Artificiais, Sistemas Especialistas, Lógica Nebulosa e Sistemas Híbridos). Diretor Técnico Adjunto da FENEMI (Federação Nacional de Engenharia Mecânica e Industrial). Participante do Programa CsF (Ciência Sem Fronteira) na Lakehead University, Thunder Bay, Canadá, no período de DEZ|2013 a ABR|2015. Membro do LAV (Laboratório de Acústica e Vibração) da UFU. Colaborador do Gep_LASID (Grupo de Estudos e Pesquisas do Laboratório de Sistemas Dinâmicos) da UFSJ sob Coordenação do Prof. PhD. Jorge Nei Brito. Autor de artigos técnicos apresentados e publicados em congressos técnico-científicos. Palestrante convidado em congressos regionais e nacionais. 

* RESUMO DO MINICURSO: Será abordado o papel da Manutenção frente a nova realidade da Indústria Mundial. Serão tratados assuntos como o custo total da manutenção sobre o faturamento bruto das empresas e os motivos de não ainda estarmos totalmente inseridos no contexto da Indústria 4.0. Além de definições sobre os tipos de manutenção serão apresentados os principais tópicos possibilitarão a evolução da manutenção para o conceito Classe Mundial, como por exemplo: definição de metas; definição de estratégias; gestão da manutenção; indicadores; PPCM (Planejamento, Programação e Controle da Manutenção); Controle de Sobressalentes; Engenharia de Manutenção; Melhores Práticas e Projetos de Melhorias Contínuas.

Prof. M.Sc. ANDRÉ LUIZ VICENTE DE CARVALHO - http://lattes.cnpq.br/0509266582086801: Formado em Engenharia Mecânica pela PUC-MG me 1985, mestre em Engenharia da Energia pela UFSJ  em 2014, professor universitário da disciplina de Motores de Combustão Interna à 10 anos, e outras disciplinas da área de térmicas, professor orientador do projeto UCAMBAJA, atuando na Universidade Cândido Mendes e IFF, ambas em Campos dos Goytacazes-RJ; com 30 anos de experiência no mercado de reparação automotiva.

 

 


PhD. JORGE NEI BRITO
- http://lattes.cnpq.br/8160466619165597: Consultor Sênior. Pós-Doutor em Engenharia Mecânica, Área de Monitoramento de Máquinas, pela UNICAMP - Universidade Estadual de Campinas (2011). Doutor em Engenharia Mecânica, Área de Projetos, pela UNICAMP - Universidade Estadual de Campinas (2002). Mestre em Engenharia Mecânica, Área de Projetos, pela UFU - Universidade Federal de Uberlândia (1994). Eng. Mec. pela PUC MINAS - Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (1985). Professor Associado do Departamento de Eng. Mecânica da UFSJ - Universidade Federal de São João del-Rei. Professor e Orientador do Programa de Pós-Graduação em Engenharia da Energia da Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ) em Associação Ampla com o Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais (CEFET-MG). Professor Pesquisador no Curso Educação Empreendedora da IES UFSJ. Especialista em detecção de falhas em máquinas rotativas através de técnicas preditivas e inteligência artificial. Um dos autores da patente PI0303047-4 (Bobina de fluxo magnético para o acompanhamento preditivo de motores de indução trifásicos). Presidente da FENEMI - Federação Nacional de Engenharia Mecânica e Industrial. Representante da FENEMI no CDEN - Colégio Nacional de Entidades do Sistema CONFEA/CREA e MÚTUA. Coordenador da V Região da COPIMERA (Confederación Panamericana de Ingeniería Mecánica, Eléctrica, Industrial y Ramas Afines). Vice-Presidente Executivo da APEA -DELREI - Associação de Profissionais Engenharia e Agronomia Jurisprudência do CREA-MG de São João del-Rei, MG.

 

* RESUMO DO MINICURSO: 1) Introdução. 2) Fundamentos da Nova NR 12. 3) Grau de proteção. 4) Proteções fixas e móveis. 5) Inspeção dos equipamentos e itens de segurança. 6) Características e funcionamento dos equipamentos de segurança. 7) CASOS PRÁTICOS: Modelos de máquinas (antes e depois) da adequação.

Eng. Mec. EDUARDO MARQUES BRAGA RIBEIRO - http://lattes.cnpq.br/3850086529515438: Engenheiro Mecânico pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (2012). Pós-Graduação em Gestão de Negócios pela Fundação Dom Cabral. Engenheiro da Área Técnica e de Coordenador de Vendas - PTI - Power Transmission Industries do Brasil S.A., fabricante de redutores e acoplamentos do segmento de mineração, siderurgia dentre outros. Tem experiência na área de Engenharia Mecânica, desenvolveu um sistema de arrefecimento e redução de temperatura para redutores de velocidade industriais onde publicou artigos em congressos de engenharia sobre o tema. Atuando principalmente nos seguintes temas: torque, engenharia aplicada, transmissão de potência, redutores de velocidade, nacionalização de equipamentos e aplicação industrial.  

* RESUMO DO MINI CURSO: O minicurso apresenta uma evolução da Engenharia Mecânica, Metalúrgica e de Automação, aplicada em redutores de velocidade e acoplamentos, bem como a sua aplicação na indústria de transformação, como siderurgia, mineração, cimento dentre outros mercados.
Será apresentado a definição sobre torque, transmissão de potência, fator de serviço mecânico e considerações sobre dissipação térmica. Serão correlacionas as aplicações diretas das disciplinas de Engenharia Mecânica num redutor de velocidade tais como, elementos de máquinas, resistência dos materiais, tratamento térmico, manutenção mecânica, lubrificação (tribologia), transferência de calor e o histórico da evolução dessas tecnologias e processos aplicados nestes produtos e como os novos Desenvolvimento já são voltados para atender às demandas da indústria 4.0 no Brasil. Serão apresentados os tipos e derivações de modelos de redutores e acoplamentos para as mais diversas aplicações e ferramentas para a seleção de redutores de velocidade. O participante irá participar de uma seleção técnica de redutores, definir fator de serviço e indicar um produto para operar em determinada condição de aplicação, em instalação industrial.